QUANDO JANEIRO CHEGAR

QUANDO JANEIRO CHEGAR

Otávio Figueira. 

Logo após a conquista pelo Brasil do Tri Campeonato Mundial de Futebol no México em 1970, e o advento da tv em cores, o setor de propaganda das empresas, hoje conhecido por Marketing, tinha à necessidade de criar novos "encantos" em seus produtos e serviços para atrair potenciais consumidores, agora mais exigentes e pechincheiros em um mercado que se desenhava competitivo.

Eis, pois, que surge na concorrência de vendas  oportunidades para as organizações colocarem nas prateleiras de exposição novos lançamentos de suas respectivas marcas.

Entretanto, como ação complementar, estudos mercadológicos sinalizavam que os antigos "reclames" fossem substituídos por comerciais mais agressivos tendo como ícone celebridades midiáticas, por exemplo.

Na cultura midiática brasileira, contudo, dentro dessa nova expectativa de mercado, surge a Lei de Gérson(craque da seleção), que no seu conteúdo contextualiza um princípio em que determinada pessoa,  ou empresa obtém vantagens de forma indiscriminada, sem se importar com questões éticas ou morais.

A "Lei de Gérson" acabou sendo usada para exprimir traços bastante característicos e pouco lisonjeiros do caráter midiático nacional, que passa a ser interpretado como caráter da população, associados à disseminação da corrupção e ao desrespeito a regras de convívio para a obtenção de vantagens.

A meu ver, porém, observei nas festas natalinas e de final de ano que alguns inescrupulosos e aproveitadores comerciantes, no afã de majorar seus lucros, levados pela euforia perdulária e consumismo da população continuam obtendo vantagens em procedimentos nada ético em que aumentam os preços para simularem possíveis "descontos".

Portanto, com uma grana a mais no bolso, cartões de crédito com vencimentos diversificados, consumismo latejando a menina dos olhos e os "bons" preços,  compram sem limites e sem saber se vai dar para pagar as contas só esperando e ter a certeza, enfim, quando janeiro chegar.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS