Arcon concede autorização para linha Óbidos-Santarém à VIP Navegação

Arcon concede autorização para linha Óbidos-Santarém à VIP Navegação

Arcon-PA concede autorização a quatro linhas de transporte hidroviário de passageiros.

Quatro novas linhas de transporte hidroviário receberam autorização para operar nesta terça-feira (29), da Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon-PA). As concessões são para as linhas de Óbidos a Santarém, de Belém a Portel e duas de Mocajuba a Cametá. O serviço poderá ser iniciado a partir de 1º de dezembro.

O diretor geral da Arcon-PA, Bruno Guedes, recebeu os representantes das empresas para a cerimônia de entrega das autorizações e ordens de serviço. A gerente do Grupo Técnico de Transporte Hidroviário (GTH), Martinha Rocha, juntamente com técnicos da Agência, esclareceram sobre os direitos e deveres das empresas e usuários, que devem ser seguidos com rigor a partir da regularização.

“Essa ação foi alavancada a partir da intensificação de ações de fiscalização, que identificaram serviços de transporte oferecido por empresas privadas sem a devida delegação da Agência. As empresas que atuam de modo irregular, em sua maioria, operam com embarcações que não oferecem segurança aos passageiros, além de não estarem comprometidas com as questões regulamentadas, e, principalmente, não observam os direitos dos usuários”, avalia Martinha Rocha.

A linha Mocajuba - Cametá, como serviço diferenciado, realizando o percurso em menor tempo, será compartilhada pelas empresas J.N. Navegações e Céu do Brasil. João Monteiro, representante da J.N. Navegações avalia como “muito importante a linha para o município, principalmente para os alunos que fazem a viagem, porque a estrada é longa e o barco facilita o deslocamento”.

á o representante da Céu do Brasil, Ivanildo de Vasconcelos, vê uma oportunidade de simplificar o acesso aos serviços que não são disponíveis em Mocajuba, mas que podem ser encontrados em Cametá. “Vai melhorar a mobilidade da população para os bancos, INSS e outros negócios que as pessoas precisam”, avalia Vasconcelos. “Além disso, fica melhor para nós prestar um serviço legalizado e com o apoio do governo”, completa.

De Óbidos a Santarém, as viagens serão feitas pelas empresas Romualdo Batista do Amaral Filho, que opera o navio-motor “Príncipe de Óbidos; e agora também, com a empresa ECP do Amaral, que opera o navio VIP. As duas empresas estão devidamente autorizadas junto à Arcon-PA.

Segundo representante de ambas as empresas, Evander Batista, o diferencial é o conforto para a população. “Os passageiros de Óbidos estão muito bem servidos com as duas embarcações, que oferecem conforto, segurança e serviços de qualidade”, disse Evander.

A viagem entre Belém e Portel, que também é feita em 18 horas e com parada em Breves, será feita em 12 horas pela T. do Vale André Navegação. “Queremos prestar o melhor serviço possível, com conforto, segurança e sem paradas, o que até hoje não existe”, afirma o representante empresa, Tiago André.

Texto e fotos: Vanessa Pinheiro/Arcon (Texto retificado)

FONTE: http://arcon.pa.gov.br/site

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS