Hospitais de campanha serão implantados em Belém, Santarém, Marabá e Breves

Hospitais de campanha serão implantados em Belém, Santarém, Marabá e Breves

O governador Helder Barbalho recebeu, no início da tarde deste sábado (28), os profissionais que irão implantar, no Estado, os quatro Hospitais de Campanha previstos para reforçar o atendimento do sistema público de saúde aos pacientes que vierem a contrair o novo coronavírus. Os técnicos chegaram nesta sexta-feira (27) de São Paulo para organizar a logística de montagem das estruturas.

"As estruturas já saíram do território paulista e estão sendo encaminhadas para as cidades onde instalaremos hospitais. Depois de concluídas, estas estruturas serão entregues às Organizações Sociais que ficarão responsáveis pela gestão das unidades", explicou o governador Helder Barbalho.

As unidades serão implantadas nos municípios de Belém, Santarém, Marabá e Breves. Juntas, elas somarão 720 leitos aos já existentes do Estado, que serão destinados a pacientes com sintomas leves ou moderados da doença, sem a necessidade de internação em Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

"Estamos diante de uma grande emergência em saúde pública e o Governo do Estado tem tomado as medidas em tempo correto e adequado para prevenir e proteger a saúde da nossa população", explicou o secretário de Estado de Saúde, Alberto Beltrame. 

Os técnicos estiveram no Hangar - Centro de Convenções, onde será montada a unidade responsável por atender pacientes da capital e de municípios das regiões Metropolitana, do nordeste paraense, do Baixo Tocantins e de parte do Marajó. 

"Essa estrutura logística é toda modular. Vamos trazê-las prontas e aprovadas do ponto de vista hospitalar. Nossa intenção é treinar profissionais locais para participarem da montagem desses hospitais, o que tem tido muito êxito", destacou o CEO da empresa Progen, Eduardo Barella. A previsão é que eles comecem a ser entregues a partir do dia 6 de abril à população.

Reforços - Ainda na tarde deste sábado, governador Helder Barbalho também acompanhou a entrega de 22 mil garrafas com álcool 70%, disponibilizadas a partir de uma parceria entre as empresas Pagrisa, sediada em Ulianópolis, e Micos, responsável por engarrafar o produto. Ao todo, a doação representa totaliza 45 mil litros de álcool, que já começaram a ser distribuídos nos hospitais da rede estadual e também aos órgãos que atuam diretamente com o atendimento ao público. 

O Estado também recebeu a doação de duas mil cestas básicas para serem distribuídas de forma estratégica pelo Governo do Pará no trabalho de enfrentamento à covid-19. Os mantimentos foram entregues pela empresa Sococo, na Ouvidoria Geral do Estado. 

FONTE: Agência Pará

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS